Pesquisas sobre currículos de matemática nos programas de pós-graduação do Brasil e análise textual discursiva
Research curriculum mathematics in Brazil the graduate programs and textual analysis discursive

Wagner Barbosa de Lima Palanch, Saddo Ag Almouloud

Resumo


O artigo apresenta discussões a respeito do uso da Análise Textual Discursiva na produção de dados de pesquisas da área de Educação Matemática, destacando sua relevância e contribuição para esta área de conhecimento, suas principais configurações e propostas de percurso. Para tal propósito, tomamos por base a tese de Palanch, defendida em 2016, que realizou um mapeamento de pesquisas sobre currículos de Matemática no período de 1987 a 2012. A utilização da Análise Textual Discursiva mostra que a construção de novos textos ajudou na percepção da não linearidade da produção e difusão do conhecimento, da constatação de convergências, divergências e lacunas dos trabalhos pesquisados.


The paper presents discussions about the use of Textual Analysis Discourse in production data research in mathematics education area, highlighting its relevance and contribution to this area of knowledge, its main settings and route proposals, as well as the limitations and problems that the researcher who chooses by this method may face. For this purpose, we take based on the thesis Palanch, defended in 2016, which conducted a research on mapping mathematics curriculum from 1987 to 2012. The use of Textual Discourse Analysis shows that the construction of new texts helped the perception of non-linearity of the production and dissemination of knowledge, finding convergences, divergences and gaps of those surveyed work.



Palavras-chave


Educação Matemática; Currículos; Análise Textual Discursiva

Texto completo:

PDF

Referências


ARIZA, Leidy Gabriela et al. Articulações metodológicas da Análise Textual Discursiva com o ATLAS.ti: compreensões de uma comunidade aprendente. In: CONGRESSO IBERO-AMERICANO EM INVESTIGAÇÃO QUALITATIVA, 4., e SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE EDUCAÇÃO E COMUNICAÇÃO, 6., 2015, Aracaju. Atas CIAIQ2015: Investigação Qualitativa na Educação, v. 2. Aracaju: Universidade Tiradentes, 2015. p. 346-351.

CHARTIER, Roger. Práticas da Leitura. São Paulo: Estação Liberdade, 2009, 266 p.

CLEMENTE, Cesar. Os desdobramentos do SARESP no processo curricular e na avaliação interna: uma análise do componente curricular de Matemática. 2011. 100 f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Centro Universitário Moura Lacerda, Ribeirão Preto, 2011.

FREIRE, Madalena et al. Avaliação e Planejamento: a prática educativa em questão. São Paulo: Espaço Pedagógico, 1997.

FREITAS, Adriano Vargas. Educação Matemática e Educação de Jovens e Adultos: estado da arte de publicações em periódicos (2000 a 2010). 2013. 360f. Tese (Doutorado em Educação Matemática) – Faculdade de Ciências Exatas e Tecnológicas, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2013.

FREITAS, A. V. Práticas pedagógicas inclusivas na EJA sob perspectivas da Educação Matemática: um olhar para as pesquisas. Educação Matemática Pesquisa, São Paulo, v. 17, p. 508-529, 2015

FREITAS, Adriano Vargas; XXXXX, XXXXX. Estado da Arte Como Metodologia de Trabalho Científico na Área de Educação Matemática: Possibilidades e Limitações. Perspectivas da Educação Matemática, Campo Grande, v. 8, n. 18, p. 784-802, 2015.

MORAES, Roque. Uma tempestade de luz: a compreensão possibilitada pela análise textual discursiva. Ciência & Educação, Bauru, v. 9, n. 2, p. 191-210, 2003.

MORAES, Roque; GALIAZZI, Maria do Carmo. Análise textual discursiva: processo construído de múltiplas faces. Ciência & Educação, Bauru, v. 12, n. 1, p. 117-128, 2006.

MORAES, Roque; GALIAZZI, Maria do Carmo. Análise Textual Discursiva. Ijuí: Editora Unijuí, 2011, 224 p.

ORTIGÃO, Maria Isabel Ramalho. Vozes presentes no currículo: um estudo a partir da matriz curricular de Matemática para o SAEB 97. 1999. Dissertação (Mestrado em Educação) – Departamento de Educação, Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 1999.

PACHECO, José Augusto. Currículo: teoria e práxis. Porto: Porto Editora, 2001. 271 p.

XXXXX, XXXXX. Mapeamento de Pesquisas sobre Currículos de Matemática na Educação Básica Brasileira (1987 A 2012). 2016. 297f. Tese (Doutorado em Educação Matemática) – Faculdade de Ciências Exatas e Tecnológicas, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2016.

SACRISTÁN, José Gimeno. O currículo: uma reflexão sobre a prática. 3. ed. Tradução: Ernani F. da Fonseca Rosa. Porto Alegre: Artmed, 2000, 352 p.

SANTOS, Solange Maria dos. Práticas avaliativas desenvolvidas por professores de matemática: novos desafios frente aos resultados da avaliação externa da rede de ensino SESI/SP. 2010. 172f. Dissertação (Mestrado em Educação Matemática) – Faculdade de Ciências Exatas e Tecnológicas, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2010.


Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


INDEXADORES DA REVISTA