As transformações isométricas no GeoGebra com a motivação etnomatemática

Mitchell Christopher Sombra Evangelista

Resumo


A pesquisa teve como objetivo fazer com que alunos do Ensino Médio, de uma escola pública estadual de São Paulo, aplicassem e construíssem o conhecimento do objeto matemático Transformações Isométricas por meio da Rotação, Translação e Reflexão. Nesta pesquisa, usamos elementos motivadores, a Etnomatemática com a Geometria Sona do grupo étnico africano chamado Cokwe e a Geometria Dinâmica com o uso do software GeoGebra. A metodologia utilizada, foi o Design Experiment, possibilitando o aprimoramento de uma sequência de atividades e gerando o produto final da pesquisa. O desenvolvimento deste trabalho permitiu concluir, após as análises feitas dos protocolos das atividades propostas, que a Etnomatemática, com apoio do GeoGebra, favoreceu a aprendizagem das Transformações Isométricas.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


A Revista do Instituto Geogebra Internacional de São Paulo está indexada nas seguintes bases:

             

 

        

   

Revista do Instituto GeoGebra internacional de São Paulo (IGISP) E- ISSN 2237-9657  (versão eletrônica)

Qualis/Capes: Qualis A3 na avaliação de Qualis/Capes (2017/2018)

Licença que permite que outros compartilhem o trabalho com um reconhecimento da autoria do mesmo e publicação inicial nessa revista GeoGebra.

Os artigos publicados não expressam necessariamente a opinião da revista e são de responsabilidade exclusiva dos autores.