História, Ações e Realizações do Laboratório de Matemática da Universidade de Passo Fundo (RS)

Autores

DOI:

https://doi.org/10.23925/1983-3156.2023v25i1p455-478

Palavras-chave:

Laboratórios de Matemática, Educação Matemática, Formação de professores, Jornadas de Educação Matemática

Resumo

O presente artigo traz a temática dos laboratórios de m­atemática, especialmente o da Universidade de Passo Fundo (UPF), apontando sua hi­stória e as ações desenvolvidas. O relato que segue teve como referência informações e dados contidos em documentos, atas e demais elementos do acervo deste laboratório, o que caracteriza um levantamento bibliográfico, encontrando sustentação teórica em autores como Kaleff (2004), Lorenzato (2006) e Libâneo (2011). Tem como objetivo sistematizar a trajetória do Laboratório de Matemática (LabMat) da UPF, com o intuito de conhecer a sua história de constituição, apresentar suas principais contribuições para os processos de ensino e de aprendizagem ao longo de sua existência e trazer indicativos da necessidade de uma contínua possibilidade de reestruturação de ações e práticas. Com este estudo, percebe-se a importância do LabMat no contexto educacional regional, frente às iniciativas ao longo de sua existência, como o desenvolvimento da metodologia dinamizante, a organização das Jornadas Nacional e Regional de Educação Matemática, o apoio prestado aos cursos de graduação da UPF, essencialmente ao de matemática, e a organização de formação continuada de professores, que foram executadas com o intuito de auxiliar na melhoria da qualidade do ensino da disciplina. Ao término do texto, é possível intuir que o laboratório em estudo, frente a sua dinamicidade em ações passadas, pode e precisa ser redimensionado para os novos desafios da educação matemática no contexto pós-pandemia.

Metrics

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Luís Gabriel Favaretto Matté, Universidade de Passo Fundo

Licenciado em Matemática pela Universidade de Passo Fundo (RS). Pós-graduando em Gestão e Organização da Escola com Ênfase em Supervisão Escolar na Universidade de Passo Fundo (UPF). Cursa Segunda Licenciatura em História no Centro Universitário FAEL (UniFAEL)

Luiz Henrique Ferraz Pereira, Universidade de Passo Fundo

Possui graduação em Matemática pela Universidade de Passo Fundo (1987) e mestrado em Educação pela Universidade de Passo Fundo (2001). É doutor em educação pela PUCRS (2010)

Referências

Brasil. (2001). Plano Nacional de Educação (PNE). Lei Federal n.º 10.172, de 09/01/2001. Brasília: MEC.

Brasil. (2017). Base Nacional Comum Curricular. Brasília: MEC/Secretaria de Educação Básica.

Brasil. (2018). Resolução nº 7 do Conselho Nacional de Educação (CNE/MEC), de 18 de dezembro de 2018. Brasília: MEC.

Crusius, M. F. (1984). O Laboratório de Matemática – Uma Experiência em Andamento. Cadernos UPF. Universidade de Passo Fundo.

D’Ambrósio, U. (1998). Educação matemática: da teoria à prática. Papirus.

Danyluk, O. S. (2012). Maria Fialho Crusius – uma das primeiras educadoras matemáticas brasileiras. In O. S. Danyluk (org.). História da Educação Matemática: escrita e reescrita de histórias. Editora Sulina.

Danyluk, O. S. (2015). Alfabetização matemática: as primeiras manifestações da escrita infantil. Universidade de Passo Fundo.

Ewbank, W. A. (1971). The mathematics laboratory; what? why? when? how?. The Arithmetic Teacher, v. 18, pp. 559-564.

Fiorentini, D. (1994). Rumos da pesquisa brasileira em Educação Matemática. Unicamp.

Fossile, D. K. (2010). Construtivismo versus sociointeracionismo: uma introdução às teorias cognitivas. Revista Alpha, v. 11, pp. 105-117.

Gil, A. C. (2007). Como elaborar projetos de pesquisa. Atlas.

Groenwald, C. L. O., Silva, C. K. & Mora, C. D. (2004). Perspectivas em Educação Matemática. Acta Scientiae, Canoas, v. 6, pp. 37-55.

Kaleff, A. M. M. R. (2004). Uma Salinha, Quase Escondida, do Instituto de Matemática. Cadernos Dá Licença - UFF, v. 7, pp. 41-47.

Kline, M. (1976). O fracasso da matemática moderna. Trad. Leonidas Gontijo de Carvalho. Ibrasa.

Lacerda, H. D. G., Cabanha, D. S. C. & Maltempi, M. V. (2013). Formação inicial de professor de Matemática em diversos países. Livraria da Física.

Libâneo, J. C. (2011). Didática e o Trabalho Docente: a mediação didática do professor nas aulas. In J. C. Libanêo, M. V. R. Suanno & S. V. Limonta (orgs.). Concepções e práticas de ensino num mundo em mudança: diferentes olhares para a Didática. Editora PUC Goiás.

Lorenzato, S. (2006). Laboratório de ensino de matemática e materiais didáticos manipuláveis. In: S. Lorenzato (org.). O laboratório de ensino de matemática na formação de professores. Autores Associados.

Maschietto, M. & Trouche, L. (2010). Mathematics learning and tools from theoretical, historical and practical points of view: the productive notion of mathematics laboratories. ZDM Mathematics Education, v. 42, pp. 33-47.

Pereira, L. H. F. (2010). Os discursos sobre a Matemática publicados na Revista do Ensino do Rio Grande do Sul (1951 – 1978) [Tese de doutorado em Educação, Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul]. https://tede2.pucrs.br/tede2/handle/tede/3661.

Röhrs, H. (2010). Maria Montessori. In Almeida, D. D. M. & Alves, M. L. (Orgs.). Coleção Educadores. Fundação Joaquim Nabuco/Editora Massangana.

Soares, F. S., Dassie, B. A. & Rocha, J. L. (2004). Ensino de matemática no século XX – da Reforma Francisco Campos à Matemática Moderna. Horizontes, v. 22, pp. 7-15.

Teixeira, A. M. R. (2000). A sinfonia dos números - Maria Fialho Crusius: uma vida dedicada à matemática na UPF [Dissertação de mestrado em Educação, Universidade de Passo Fundo].

Turrioni, A. M. S. (2004). O Laboratório de Educação Matemática na Formação Inicial de Professores [Dissertação de mestrado em Educação, Universidade Estadual Paulista]. https://repositorio.unesp.br/handle/11449/91124.

Universidade de Passo Fundo. Jornada Nacional de Educação Matemática. upf.br/jem.

Universidade de Passo Fundo. Setor de Atenção ao Estudante (Saes). upf.br/saes.

Valente, W. R. (1999). Uma História da Matemática Escolar no Brasil (1730-1930). Annablume: FAPESP.

Valente, W. R. (2006). A Matemática Moderna nas Escolas do Brasil: Um Tema Para Estudos Históricos Comparativos. Revista Diálogo Educacional, v. 6, pp. 19-34.

Vasconcelos, M. S. (1996). A Difusão das Idéias de Piaget no Brasil. Casa do Psicólogo.

Vianna, P. F. R. M. (1937). O ensino da matemática nos cursos secundários (Diretrizes e Programas). Francisco Alves.

Vidal, D. G. (2000). Escola nova e processo educativo. In: Lopes, E. M. T., Faria Filho, L. M. & Veiga, C. G. (Orgs.). 500 anos de educação no Brasil. Autêntica.

Vieira, A. (1934). A decadência do ensino secundário: suas causas e remédios. Jornal do Brasil, Rio de Janeiro, 1 e 2 jun.

Publicado

2023-04-29

Como Citar

MATTÉ, L. G. F.; PEREIRA, L. H. F. História, Ações e Realizações do Laboratório de Matemática da Universidade de Passo Fundo (RS). Educação Matemática Pesquisa Revista do Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação Matemática, São Paulo, v. 25, n. 1, p. 455–478, 2023. DOI: 10.23925/1983-3156.2023v25i1p455-478. Disponível em: https://revistas.pucsp.br/index.php/emp/article/view/59267. Acesso em: 20 jul. 2024.